20 de abr de 2012

VARICOCELE Sintomas e tratamento



Na maioria das vezes a varicocele ocorre no lado esquerdo da bolsa escrotal, acometendo o testículo esquerdo. Existe uma explicação bem simples para tal fato.

Reparem na figura abaixo como há diferenças entre as veias testiculares esquerda e direita. Enquanto a veia direita desemboca na calibrosa veia cava em um ângulo de 45º, a veia testicular esquerda drena para a veia renal esquerda, de menor calibre e com uma angulação de 90º, o que dificulta o escoamento do sangue. Repare como é feita a drenagem venosa dos testículos (clique na imagem abaixo para ampliar)

Varicocele
Varicocele
Lembrando que as artérias são os vasos que levam o sangue para os órgãos e as veia os que o trazem de volta ao coração. Quando a drenagem venosa não é feita corretamente, o sangue acaba ficando represado.

Portanto, a varicocele é uma insuficiência na drenagem de sangue do testículo, que leva ao represamento sanguíneo e ao aumento do volume das veias. Como já foi dito, é nada mais do que uma variz.

Existe uma graduação da varicocele.

  • Grau I - varicocele pequena e palpável apenas com aumento da pressão abdominal. (tossir ou assoprar contra uma resistência).
  • Grau II - varicocele média e palpável.
  • Grau III - varicocele grande, não só palpável como visível.


Varicocele
  Varicocele (clique p/ampliar. Atenção: A imagem acima  pode ser considerada ofensiva para certas pessoas)

Sintomas da varicocele 

Na maioria das vezes a varicocele é assintomática. Quando há sintomas, o mais comum é a dor testicular e uma sensação de peso na bolsa escrotal, que piora em pé e alivia ao deitarmos. Isso faz todo o sentido, já que, quando deitamos, o sangue não precisa vencer a gravidade para voltar ao coração e a drenagem é deste modo facilitada.

Mas a dor não é o pior problema da varicocele, e sim o risco de infertilidade. Ao tocarmos no saco escrotal, podemos notar que ele tem uma temperatura mais baixa que o resto do corpo. Se vocês repararem, os testículos são órgãos que ficam fora do corpo. Isto ocorre porque os mesmos funcionam melhor em temperaturas mais baixas que a do nosso organismo. Quando ocorre a varicocele, esse represamento de sangue na bolsa escrotal aumenta a temperatura da mesma, causando estresse para ambos os testículos. O resultado final é uma queda na taxa de espermatozoides (oligospermia) e grande diminuição na sua mobilidade, levando por fim, à infertilidade.

Varicocele
Varicocele (Clique para ampliar. Atenção: a imagem acima contém fotos que podem ser ofensivas para algumas pessoas)

Quando a varicocele inicia-se após os 40 anos é importante investigar a presença de uma neoplasia intra-abdominal que possa estar comprimindo a veia testicular e causando a dilatação.

O diagnóstico da varicocele é feito através do exame físico e confirmado pelo ultrassom, que pode também, se for necessário, avaliar a presença de massas abdominais.

Tratamento da varicocele

O tratamento é indicado naqueles que apresentam sintomas, infertilidade ou sinais de atrofia do testículo.

Existem três opções:

1.) Cirurgia aberta: a cirurgia aberta é um procedimento simples, normalmente realizado com anestesia geral (em alguns casos com anestesia local). Dura 45 minutos e o paciente costuma ter alta no dia seguinte.

Devido ao edema, indica-se o uso de um apoio para a bolsa escrotal durante alguns dias. O paciente deve evitar esforço físico por duas a quatro semanas. Relações sexuais somente após dez dias.

2.) Cirurgia laparoscópica: é menos usada pois, neste caso, possui tempo operatório maior e alta hospitalar costuma demorar 48 horas. A única vantagem é uma incisão menor.

3.) Embolização da varicocele: é um processo não cirúrgico, semelhante a um cateterismo. Não é preciso anestesia geral (na maioria das vezes apenas sedação) e o procedimento dura apenas uma hora em média.





Fonte:http://www.mdsaude.com/2009/07/entenda-varicocele.html

5 Comentários:

Estella disse...

Oi, meu marido fez a cirurgia de varicoceles há 8 anos, na época ainda éramos namorados. Após a cirurgia, a quantidade de espermatozóides ainda era muito baixa, mas com o tempo foi aumentando. Atualmente os resultados dos espermogramas tem sido cada vez mais diferentes, uma hora aumenta, outra hora diminui.
Agora estamos há 6 meses tentando fazer nosso primeiro filho, mas ainda nada, por isso estamos fazendo exames para descobrir se há outros problema além da varicoceles.
Acredite e fé em Deus que logo seremos abençoadas.

Beijos férteis!

Jeh_litiinha disse...

Oi amiga meu marido tinha varicocele bilateral e operou em 02/2008 e em 05/2008 eu engravidei.

Creia em Deus que para Ele nada é impossível.

Boa sorte.

Se quiser falar mais sobre isso me mande uma mp.

Bjs....

Anônimo disse...

Meninas,
estou mt feliz. Meu marido levou o último espermograma ao médico e ela ficou impressionado com a melhora. Disse que nos próximos 3 meses a tendência é só melhorar ainda mais.
E detalhe: já avisou q posso engravidar a qq hora.
Só espero que venha logo.
Bjos e obrigada pela força.

Mamãe Anna Paula disse...

Olá Soraia!! Que bom saber que vc tem um blog, ahhh e adorei o tema abordado.
Já ouvi muito falar sobre Varicocele, mas nunca pesquisei sobre o assunto. Muito interessante!!!
Ahh add o o link do seu blog no meu, pq assim que houver atualização eu corro aqui!!
Beijocas

Ewerton Dayviton disse...

Jessika
O meu marido tem varicocele, ele tem apenas 25 anos e faz tempó que a gente tenta engravidar e não consegue... A cirurgia é cara? O médico mim pediu pra esperar um ano e fazer sexo todo dia, pra ver se conseguimos. Eu já estou com depressão pois penso nisso todo dia...